Casamento em Cabo Verde documentação precisa

Início Fóruns Relatos/experiências/histórias Casamento em Cabo Verde documentação precisa

Este tópico contém 2 respostas, tem 2 utilizadores, com a última actualização feita por  osolbrilha Há 7 anos, 3 meses.

A visualizar 3 artigos - de 1 a 3 (de um total de 3)
  • Posts

    Oi,

    Primeiro cria disculpame pamod mi ka ta fla bom kriol ma mi ta tenta…

    Mi cré saber qual a documentação que precisa um extranjeiro para casar em Kabu Verdi. Mi é de Espanha e nha namuradu krioulo mesmo…temos tcheu problemas na Espanha e em Kabu Verdi.

    Mi preguntal e flame que um certificado de nascimento e algum documento que acredite que mi ta viver lá ¿é preciso morar em Kabu Verdi pra pude casal? um ta odja estranho!!

    Mi ta morar alguns meses ao ano em Cabo Verdi ma a unica kusa q mi pode mostral pra elos são os vistos no meu passaporte…

    Se algum casal espanhol-caboverdiano pode papia manera q foi a sua estória, mi ficaria muito obrigada…o qualquer estranjeiro ma caboverdian.

    e depois?…mi tem a nacionalidade caboverdiana directament? pra consigui q a outra pessoa tenha a nacionalidade espanhola ta demora anos ma…é mais facil consigui o visto pra Espanha?

    Obrigada pelas inforamações.
    Saudações cordiais.

    Hola,

    preparo mi boda con mi pareja. Boda de una persona española con una caboverdiana…tanto en Cabo Verde como un España tenemos problemas.

    ¿cuál es la documentación que le piden a un extranjero en Cabo Verde para casarse en este país?

    Me contestaron certificado de nacimiento y algun documento que acredite que he estado viviendo allí. ¿Es necesario vivir en Cabo Verde para poder casarse? mínimo extraño

    Por motivos profesionales paso varios meses al año allá pero como no sea el pasaporte con entradas y salidas poco más puedo aportar.

    Si algún matrimonio español-caboverdiano pudiera contar su experiencia, se lo agradecería.

    Posteriormente: la nacionalidad tarda años pero…¿en qué forma facilita la obtención del visado de entrada a España para la persona caboverdiana? .

    ¿y la española? ¿obtiene directamente la nacionalidad caboverdiana?

    Cualquier otra información relacionada con el tema será bienvenida.

    Gracias de antemano por la información y la participación en este mi primer post.

    Aprovecho para señalar que, en mi opinión, está información la deberíamos poder obtener a través de la Embajada de España en cabo Verde pero su interés es escaso…y por desgracia también la educación.

    Saludos cordiales

    Saudações cordiais

    Descrição
    O casamento é uma união voluntária entre duas pessoas, de sexo diferente, que implica direitos e deveres recíprocos, nos termos da lei. O processo de transmitação processual inicia-se nas repartições do registo civil, com a manifestação da intenção voluntária de contrair casamento.
    Aqueles que pretendem contrair casamento devem declará-lo, pessoalmente, ou por intermédio de um procurador, numa conservatória do registo civil ou equivalente nas representações diplomáticas e consulares para requerer a instauração do respectivo processo de publicações.
    Ao proceder à declaração para casamento, os noivos poderão escolher a modalidade civil, católica ou sob outra forma religiosa, indicar o local onde pretendem casar e o regime de bens desejado.

    Requisitos
    Noivo(a) Nacional
    – Bilhete de Identidade
    – Atestado de Residência
    – Certidão de Nascimento

    -CERTIDAO DE NASCIMENTO:Conservatória dos Registos da BoaVista SalRei-2511105(07:30-15:00)175ECV
    -ATESTADO DE RESIDENCIA:C.M.BoaVista175ECV.

    Noivo(a) estrangeiro(a)
    – Passaporte
    – Certidão de Nascimento autenticado na Embaixada ou Consulado do país de origem
    – Certificado de Capacidade Matrimonial emitido no país de origem devidamente autenticado na Embaixada ou Consulado do seu país de origem ou emitido pela Direcção-Geral dos Registos e Notariado

    Quem pode requerer
    Cidadãos solteiros, com idade superior a 16 anos; que não apresentem anomalia psíquica nem demência notória.

    Quando requerer
    – Quando quiser.
    – O dia é escolhido pelos noivos, mas a hora será fixada pelo conservador depois de ouvir os interessados
    – O casamento celebrado fora da conservatória implica o pagamento de uma taxa.

    Casamento de um Cidadão Cabo-verdiano no estrangeiro
    1. Se pretende casar-se no estrangeiro deve reunir-se das certidões de nascimento e certificado de capacidade matrimonial junto da Conservatória dos Registos Centrais para apresenta-las as autoridades competentes no estrangeiro.
    2. Caso tenha casado no estrangeiro, os assentos de casamento celebrados no estrangeiro por cabo-verdianos ou por estrangeiros que adquiriram a nacionalidade de Cabo-verdiana devem ser transcritos na Conservatória dos Registos Centrais.
    Casamento de um Cidadão Estrangeiro em Cabo Verde

    Casamento de um Cidadão Estrangeiro em Cabo Verde
    1. Inicia o processo com a apresentação de um certificado passado pela entidade competente do seu país;
    2. Quando não seja possível apresentar o certificado, é feita a verificação da capacidade matrimonial através de um processo organizado pela Conservatória dos Registos Centrais e decidido pelo responsável máximo dos RNI.

    Custo
    Na Repartição (Valores aproximados)
    Hora Normal—-2010 ECV
    Fora de Hora—-2210 ECV
    Fora Repartição (Valores aproximados)

    Normal—-3020 ECV
    Fora de Hora—-3470 ECV

    Legislação
    Código Civil;

    Saudações cordiais

    osolbrilha
    Participante

    Ola!

    Eu e o meu namorado ficamos apaixonados por Cabo Verde!!!!, ao ponto que o nosso sonho seria de nos casarmos na Ilha do Fogo. Ja contactamos as entidades de la para saber o que seria preciso para tal mas infelizmente esta a ser muito dificil… 🙄 eles dizem que visto que nao somos Cabo-Verdianos (eu sou Portuguêsa e o meu namorado é Suiço) entao antes teriamos que viver pelo menos 30 dias em Cabo Verde e so depois teriamos a autorizaçao de casar… Infelizmente o meu patrao jamais me deixaria tirar 30 dias de férias de seguida…

    Sera que alguem ja viveu uma experiência parecida?, ou alguém conhece um casal nao Cabo-Verdiano que se casou em Cabo Verde e que possa me partilhar o segredo?

    Se alguem me pudesse aconselhar para que o nosso sonho se pudesse realizar… 😀

    Muito obrigadinha,
    osolbrilha

    @sodade é tcheu wrote:

    Descrição

    O casamento é uma união voluntária entre duas pessoas, de sexo diferente, que implica direitos e deveres recíprocos, nos termos da lei. O processo de transmitação processual inicia-se nas repartições do registo civil, com a manifestação da intenção voluntária de contrair casamento.

    Aqueles que pretendem contrair casamento devem declará-lo, pessoalmente, ou por intermédio de um procurador, numa conservatória do registo civil ou equivalente nas representações diplomáticas e consulares para requerer a instauração do respectivo processo de publicações.

    Ao proceder à declaração para casamento, os noivos poderão escolher a modalidade civil, católica ou sob outra forma religiosa, indicar o local onde pretendem casar e o regime de bens desejado.

    Requisitos

    Noivo(a) Nacional

    – Bilhete de Identidade

    – Atestado de Residência

    – Certidão de Nascimento

    -CERTIDAO DE NASCIMENTO:Conservatória dos Registos da BoaVista SalRei-2511105(07:30-15:00)175ECV

    -ATESTADO DE RESIDENCIA:C.M.BoaVista175ECV.

    Noivo(a) estrangeiro(a)

    – Passaporte

    – Certidão de Nascimento autenticado na Embaixada ou Consulado do país de origem

    – Certificado de Capacidade Matrimonial emitido no país de origem devidamente autenticado na Embaixada ou Consulado do seu país de origem ou emitido pela Direcção-Geral dos Registos e Notariado

    Quem pode requerer

    Cidadãos solteiros, com idade superior a 16 anos; que não apresentem anomalia psíquica nem demência notória.

    Quando requerer

    – Quando quiser.

    – O dia é escolhido pelos noivos, mas a hora será fixada pelo conservador depois de ouvir os interessados

    – O casamento celebrado fora da conservatória implica o pagamento de uma taxa.

    Casamento de um Cidadão Cabo-verdiano no estrangeiro

    1. Se pretende casar-se no estrangeiro deve reunir-se das certidões de nascimento e certificado de capacidade matrimonial junto da Conservatória dos Registos Centrais para apresenta-las as autoridades competentes no estrangeiro.

    2. Caso tenha casado no estrangeiro, os assentos de casamento celebrados no estrangeiro por cabo-verdianos ou por estrangeiros que adquiriram a nacionalidade de Cabo-verdiana devem ser transcritos na Conservatória dos Registos Centrais.

    Casamento de um Cidadão Estrangeiro em Cabo Verde

    Casamento de um Cidadão Estrangeiro em Cabo Verde

    1. Inicia o processo com a apresentação de um certificado passado pela entidade competente do seu país;

    2. Quando não seja possível apresentar o certificado, é feita a verificação da capacidade matrimonial através de um processo organizado pela Conservatória dos Registos Centrais e decidido pelo responsável máximo dos RNI.

    Custo

    Na Repartição (Valores aproximados)

    Hora Normal—-2010 ECV

    Fora de Hora—-2210 ECV

    Fora Repartição (Valores aproximados)

    Normal—-3020 ECV

    Fora de Hora—-3470 ECV

    Legislação

    Código Civil;

    Saudações cordiais

    @sodade é tcheu wrote:

    Descrição

    O casamento é uma união voluntária entre duas pessoas, de sexo diferente, que implica direitos e deveres recíprocos, nos termos da lei. O processo de transmitação processual inicia-se nas repartições do registo civil, com a manifestação da intenção voluntária de contrair casamento.

    Aqueles que pretendem contrair casamento devem declará-lo, pessoalmente, ou por intermédio de um procurador, numa conservatória do registo civil ou equivalente nas representações diplomáticas e consulares para requerer a instauração do respectivo processo de publicações.

    Ao proceder à declaração para casamento, os noivos poderão escolher a modalidade civil, católica ou sob outra forma religiosa, indicar o local onde pretendem casar e o regime de bens desejado.

    Requisitos

    Noivo(a) Nacional

    – Bilhete de Identidade

    – Atestado de Residência

    – Certidão de Nascimento

    -CERTIDAO DE NASCIMENTO:Conservatória dos Registos da BoaVista SalRei-2511105(07:30-15:00)175ECV

    -ATESTADO DE RESIDENCIA:C.M.BoaVista175ECV.

    Noivo(a) estrangeiro(a)

    – Passaporte

    – Certidão de Nascimento autenticado na Embaixada ou Consulado do país de origem

    – Certificado de Capacidade Matrimonial emitido no país de origem devidamente autenticado na Embaixada ou Consulado do seu país de origem ou emitido pela Direcção-Geral dos Registos e Notariado

    Quem pode requerer

    Cidadãos solteiros, com idade superior a 16 anos; que não apresentem anomalia psíquica nem demência notória.

    Quando requerer

    – Quando quiser.

    – O dia é escolhido pelos noivos, mas a hora será fixada pelo conservador depois de ouvir os interessados

    – O casamento celebrado fora da conservatória implica o pagamento de uma taxa.

    Casamento de um Cidadão Cabo-verdiano no estrangeiro

    1. Se pretende casar-se no estrangeiro deve reunir-se das certidões de nascimento e certificado de capacidade matrimonial junto da Conservatória dos Registos Centrais para apresenta-las as autoridades competentes no estrangeiro.

    2. Caso tenha casado no estrangeiro, os assentos de casamento celebrados no estrangeiro por cabo-verdianos ou por estrangeiros que adquiriram a nacionalidade de Cabo-verdiana devem ser transcritos na Conservatória dos Registos Centrais.

    Casamento de um Cidadão Estrangeiro em Cabo Verde

    Casamento de um Cidadão Estrangeiro em Cabo Verde

    1. Inicia o processo com a apresentação de um certificado passado pela entidade competente do seu país;

    2. Quando não seja possível apresentar o certificado, é feita a verificação da capacidade matrimonial através de um processo organizado pela Conservatória dos Registos Centrais e decidido pelo responsável máximo dos RNI.

    Custo

    Na Repartição (Valores aproximados)

    Hora Normal—-2010 ECV

    Fora de Hora—-2210 ECV

    Fora Repartição (Valores aproximados)

    Normal—-3020 ECV

    Fora de Hora—-3470 ECV

    Legislação

    Código Civil;

    Saudações cordiais

    @sodade é tcheu wrote:

    Descrição
    O casamento é uma união voluntária entre duas pessoas, de sexo diferente, que implica direitos e deveres recíprocos, nos termos da lei. O processo de transmitação processual inicia-se nas repartições do registo civil, com a manifestação da intenção voluntária de contrair casamento.
    Aqueles que pretendem contrair casamento devem declará-lo, pessoalmente, ou por intermédio de um procurador, numa conservatória do registo civil ou equivalente nas representações diplomáticas e consulares para requerer a instauração do respectivo processo de publicações.
    Ao proceder à declaração para casamento, os noivos poderão escolher a modalidade civil, católica ou sob outra forma religiosa, indicar o local onde pretendem casar e o regime de bens desejado.

    Requisitos
    Noivo(a) Nacional
    – Bilhete de Identidade
    – Atestado de Residência
    – Certidão de Nascimento

    -CERTIDAO DE NASCIMENTO:Conservatória dos Registos da BoaVista SalRei-2511105(07:30-15:00)175ECV
    -ATESTADO DE RESIDENCIA:C.M.BoaVista175ECV.

    Noivo(a) estrangeiro(a)
    – Passaporte
    – Certidão de Nascimento autenticado na Embaixada ou Consulado do país de origem
    – Certificado de Capacidade Matrimonial emitido no país de origem devidamente autenticado na Embaixada ou Consulado do seu país de origem ou emitido pela Direcção-Geral dos Registos e Notariado

    Quem pode requerer
    Cidadãos solteiros, com idade superior a 16 anos; que não apresentem anomalia psíquica nem demência notória.

    Quando requerer
    – Quando quiser.
    – O dia é escolhido pelos noivos, mas a hora será fixada pelo conservador depois de ouvir os interessados
    – O casamento celebrado fora da conservatória implica o pagamento de uma taxa.

    Casamento de um Cidadão Cabo-verdiano no estrangeiro
    1. Se pretende casar-se no estrangeiro deve reunir-se das certidões de nascimento e certificado de capacidade matrimonial junto da Conservatória dos Registos Centrais para apresenta-las as autoridades competentes no estrangeiro.
    2. Caso tenha casado no estrangeiro, os assentos de casamento celebrados no estrangeiro por cabo-verdianos ou por estrangeiros que adquiriram a nacionalidade de Cabo-verdiana devem ser transcritos na Conservatória dos Registos Centrais.
    Casamento de um Cidadão Estrangeiro em Cabo Verde

    Casamento de um Cidadão Estrangeiro em Cabo Verde
    1. Inicia o processo com a apresentação de um certificado passado pela entidade competente do seu país;
    2. Quando não seja possível apresentar o certificado, é feita a verificação da capacidade matrimonial através de um processo organizado pela Conservatória dos Registos Centrais e decidido pelo responsável máximo dos RNI.

    Custo
    Na Repartição (Valores aproximados)
    Hora Normal—-2010 ECV
    Fora de Hora—-2210 ECV
    Fora Repartição (Valores aproximados)

    Normal—-3020 ECV
    Fora de Hora—-3470 ECV

    Legislação
    Código Civil;

    Saudações cordiais

A visualizar 3 artigos - de 1 a 3 (de um total de 3)

Tem de iniciar sessão para responder a este tópico.