As minhas férias no Sal

Início Fóruns Relatos/experiências/histórias As minhas férias no Sal

Este tópico contém 53 respostas, tem 14 utilizadores, com a última actualização feita por  rita amorim Há 12 anos, 1 mês.

A visualizar 15 artigos - de 1 a 15 (de um total de 54)
  • Posts
    rita amorim
    Participante

    olá a todos!!!
    acabei d chegar da ilha do sal.fui no dia 17 e cheguei esta madrugada.fiquei hospedada no Garopa e claro k ha determinadas coisas na vida k são bastante relativas,depende da vivencia das pessoas e pelo k tenho viajado vos digo k akilo é um 4*.acredito k seja o melhor hotel da ilha mas pa 5* ainda lhe faltam umas coisinhas.pelo k percebi devo ter tido um pouko d azar com o clima pois era um frio danado,um vento impossivel de s estar ond ker k fosse e…sei lá.pensei k fosse diferente.o vento era mesmo insuportável.à noite só mesmo d casaco e calças,as sainhas ficaram guardadas na mala.apesar d tudo o vento keimava,pois à noite sentiasse bem o escaldão e vim moreninha.o TI tb n é bem akilo k as pessoas pensam pois só há comida das 7.30h às 17.30h e das 18.30 às 22.00h!e em determinados restaurantes, pk nos bares, após as 22.00 e das 17.30 às 18.30 só mesmo bebidas.akela cena de tarmos deitados na espreguiçsdeira a comer uma salada ou a comer uma mista n dava pois tinhas k t vestir e dirigir ao restaurante k kisesses.existem tb os jantares temátikos k deixam mt a desejar, entao rodizio é para eskecer.pensei k houvesse mts bichos mas simplesmente vi uma barata num corredor d kuartos.o hotel tb é enorme, diria msmo gigante e como mais uma vez tive sorte fikei no 8º bloco k é mesmo o ultimo.bem 5m pa chegar à recepção.a comida ja s tava a tornar um pouko repetitiva e s n fosse a volta à ilha nunca teria comido cachupa.d marisco so mesmo uns camaroezinhos e de vez em kuando.as funcionarias da loja pirata koitadas,precisavem d um ensinamento exaustivo d boas maneiras e de logistica.o taxi era 3€ pa sta maria e eles andam mesmo a dormir e à vinda demoramos um bokadinho e eram 19.07h e diz ele k komo ja passava das 19h k eram 4€.por amor d Deus, caiu mesmo mt mal.passaram 7mn pk ele vinha mesmo a dormir.depois cheguei tb a ir a espargos de taxi e foi 10€ e o anormal do preto levounos la para uma cena k ele chamava d mercado onde n havia um branco,corredores minusculos cheios d cenas penduradas e eles la a falarem criolo k n s percebia nada e k nos deviam estar a insultar.foi o uniko momento em k senti mesmo medo.nem tive coragem d tirar uma foto nem abrir o porta moedas.em relação à simpatia das pessoas sinceramnete n axei nada.os taxistas andavam sempre calados so o guia é k foi simpatiko o resto n axei e a venda nas lojas d artesanate era horrivel.n podiamos ver nada em condições pk nos keriam impingir tudo e de 10 em 10 s o preço estava a mudar.d beleza tb deixa muito a desejar.as ruas todas sujas d terra batida e buracos e xeio d cabo verdeanos nas ruas encostados aos bares e cafes sem fazer nada.eles vivem d k?e ainda vi la um bebado.n digo k n volte la mas n konsigo entender como é k ha pessoas k la vao 5,6,7,8,9x!sinceramnet n compreendo.talvez por m ter informado d mais fui com umas espectativas mt grandes.foi assim.s kiserem perguntem alguma coisa ou s tiverem alguma duvida eu esclareço.n s preokupem k vo kontinuar no forum a dar as minhas opinioes.

    rita amorim
    Participante

    Rita tirando esses contratempos espero que tenhas tido umas boas férias.
    Comentando agora a tua mensagem deixa-me dizer-te que não é só nesse hotel que as comidas são repetitivas no que eu conheço Novo/Belo tambem é um pouco repetitivo ou seja mantém diariamente uma grande parte das comidas e todos os dias apresenta novidades mas coisa pouca, o que para mim não é problema porque uma coisa lá que é constante é a espargete coisa que eu adoro, e pelos relatos de algumas pessoas outros hoteis também são assim, em relação a ser um 4* já mais pessoas dizeram o mesmo.
    Os taxistas para mim são iguais em todo o lado mas só não concordo que lá eles sejam calados a mim sempre me apareceram taxistas faladores assim como eu [:d]
    No mercado não precisavas de ter medo.
    Uma coisa que eu não concordo mesmo nada contigo é na simpatia das pessoas porque até hoje são o povo mais simpático que conheço.
    Vou tentar explicar-te porque já fui lá algumas vezes e quero voltar mais vezes PORQUE GOSTO, mas os gostos não são todos iguais.

    Ricardo Pit Bull

    catiasilva
    Participante

    Ola Rita, é uma pena que venhas com uma ideia tao má da ilha do sal e dos caboverdianos em geral… A verdade, é que ja ouvi e disse uma frase que se aplica na perfeição a cabo verde, “ou se ama ou se odeia”. Ou la vais e não descansas enquanto n voltas, ou vens c a ideia que conheceste um pais diferente, mas que não pensas em la voltar…

    Antes de dar a minha opiniao, só queria dizer uma coisa que acho que ficou mal na tua mensagem, algumas palavras que empregaste como por exemplo, “o anormal do preto”, entre outras… tens todo o direito a expressar a tua opiniao, mas ha varias formas de as fazer, não achas?

    Eu regressei da minha 5ª vez la no dia 18 deste mês, mas nao fiquei no funana nem no garoupa, so se me oferecessem a viagem iria p esse hotel, e só o iria porque seria mais uma desculpa para ir para a terra onde me sinto tao bem, tao feliz, completamente integrada com as pessoas da terra… Compreendo que as pessoas tentem ir para o hotel que tem mais estrelas, porque o hotel é uma base para umas boas ferias, mas no caso de cabo verde não é bem assim… por varias vezes tentei fazer passar isso aqui no forum, o hotel funana e garoupa fica mt longe da vila, fica aparte da vida de la, se o objectivo das ferias é conhecer e conviver com as pessoas do pais, entao esse hotel nao é uma boa escolha… mas isto é so a minha humilde opiniao das minhas idas a ilha do sal.

    Quanto à simpatia dos caboverdianos, não tenho nada a apontar, alias o unico que tenho a dizer é que são pessoas muito simples, que levam a vida “sem stress” e que são muito felizes com o pouco que têm… tenho grandes amigos lá…por isso as minhas 5 idas la e o meu pensamento constante em la voltar o mais rapido possivel, sou feliz la, sinto-me como um deles, não uma turista como em todos os outros paises que ja visitei!!!

    Cabo verde é calma, simpatia, simplicidade, humildade e muita alegria… Por isso ja la fui 5 vezes e espero ir a 6ª, 7ª, etc…

    Cátia

    peter c
    Membro

    Olá Rita! Realmente tanta expectativa na viagem e afinal…
    Antes de manifestar a minha opinião em relação ao teu post deixa me dizer te que é apenas a minha opinião e tens todo o direito de concordar ou não com ela, da mesma forma que eu não concordo com GRANDE parte da tua.
    Lamento o teu azar com o tempo, realmente não é muito normal o frio nesta altura do ano. O ano passado fui precisamente nesta altura e “apanhei” temperaturas na casa dos 30º, apesar de durante a noite ter que vestir uma long-sleeve.
    Um conselho que te dou, para a próxima vez que pretendas viajar com TI informa te junto a agência de viagens e/ou operador turistico acerca dos horários das refeições e tudo o resto, para evitares surpresas desagradáveis.
    Não entendi o que queres dizer quando dizes que “pensei que houvesse muitos bichos mas SIMPLESMENTE (???) vi uma barata…”
    Em relação a comida ser repetitiva e só teres comido uns camaroezinhos, para a próxima coloca a hipótese de viajar só com pequeno almoço, pois assim terás a oportunidade de conhecer os vários restaurantes, provar a comida local e poderás variar conforme quiseres as tuas refeições. Na minha opinião quando ficamos nesses grandes hoteis ficamos a conhecer tudo menos a cultura do País, não conhecendo a cultura, as pessoas, os costumes, a gastronomia, não interagindo com as pessoas locais,…
    Umas das razões pelas quais adoro viajar e ao mesmo tempo torna se um desafio é tentar agir e adquirir os hábitos locais. E como se diz por lá “no stress”. Por acaso fizeste alguma viagem nas Hiaces juntamente com as pessoas que vão trabalhar, com as crianças que vão para a Escola? É lindo. Acredita. AH! E bem mais barato. De Sta. Maria a Espargos são 100 Escudos Caboverdianos.
    Fiquei mesmo muito triste da forma como te dirigiste aos Caboverdianos. “anormal do preto????”, nem vou comentar este teu comentário. Não o mereces.
    “Um mercado onde não havia um branco e corredores minusculos cheios de cenas penduradas???”, não entendo qual a tua admiração. se calhar estavas a espera de encontrar um Shopping, com as melhores marcas, McDonald´s, ar-condicionado,… sinceramente…
    Infelizmente, quando dizes que as pessoas estão encostadas a parede sem fazer nada, até talvez seja uma realidade a falta de emprego. Se falasses com os locais poderias saber realmente qual a realidade do País deles e aí tirarias conclusões bem mais inteligentes do que as que deixas aqui.
    “Ainda vi lá um bebado???” E ai??? Eu diariamente na Póvoa de Varzim, cidade onde também habitas, vejos dezenas de bebados e drogados e estamos na Europa.
    Só uma última pergunta Rita, sabes o que significa Morabeza?
    Fica bem.
    José Pedro Rocha

    rita amorim
    Participante

    sim,sei o k significa morabeza e por saber tao bem é k n a encontrei la.isso n ker dizer k n haja mas simplesmente n senti isso.dei a minha opiniao e como todas as outras tem k ser bem aceite e n sei s lest bem ate ao fim mas ponho sempre a hipotese d la voltar kem sab um dia mais tarde.sim, como supostamnete é um país ond ha calor poderia haver bastantes insectos e outros bichos k adoram esse tipo d clima, como existem imensos no brasil e sim estava à espera d encontrar mts e fikei contente por n os ter encontrado.o tempo estava fraco e s calhar acaba por condicionar um poiuko as ferias.n andei nessas hiaces com o povo mas tb n era isso k prokurava e sim o preto n foi mt normal pk nc nos deveria ter levado para um sitio dakeles.3 raparigas brancas completamnete diferentes ali perdidas e estavamos a ser sugadas completamnete por eles.é a minha opiniao, mas fiz kestao d relatar a minha experiencia e estar aberta a perguntas e a responder akilo k sei.ja vist s gostassemos todos das mesmas coisas?das mesmas pessoas?s fossemos tds iguais?é uma chatice e s na minha terra ha bebados ha em tds apenas fiz um comentario n disse k na minha cidade n tinha.

    peter c
    Membro

    Ok, Rita. Apesar de não teres sido suficientemente esclarecedora em relaçao ao meu post e a algumas questões por mim abordadas tens todo o direito de não concordar com parte do que escrevi, tal como referi no inicio do mesmo.
    Fica bem

    pris
    Membro

    Um conselho para quem vai ao Sal, como dize o Zé Pedro e bem se formos de carrinha com pessoas que vão trabalhar ou do trabalho de regresso a casa de S. Maria a Espargos é 100 Escudos Caboverdianos (1€) enquanto se for de taxi são 1000 Escudos Caboverdianos (10€) fazendo as contas são 9€ por viajem que se poupa.

    Ricardo Pit Bull

    tacilga
    Participante

    Caro Zé Pedro desta vez concordo ctg em género, número e grau…
    Desculpa Rita mas tb acho k alguns dos teus comentários são descabidos, isto pk n kero acreditar k sejam racistas…afinal num mercado em Cabo Verde esperavas ver o quê?Nórdicos?Acho sinceramente k o medo era desnecessario, mas n estava no teu lugar. Qt ao hotel, e às refeições eu já tinha comentado noutro post k se a ideia era comer marisco então o regime TI revelava-se uma má escolha. Qt ao facto de veres caboverdianos encostados às paredes…o desemprego é uma realidade lá como cá, mas tb podiam n ser caboverdianos e sim senegaleses,nacionalidade da maioria dos “artesãos”; o k não é a mm coisa, pois apesar de terem um tom de pele semelhante, têm culturas totalmente diferentes. Qt às pessoas, como te digo achei-os espantosos…mas o objectivo da minha viagem era mm ir lá para os conhecer.
    De qq modo aceito e respeito a tua opinião, apesar de discordar totalmente dela, são gostos, e como já aqui disse uma vez (precisamente ao Zé Pedro): Gostos n se discutem.
    Um Abraço

    Ana

    bugs_bunny
    Participante

    …já me esquecia de um pormenor importante…

    …já recebi mail’s e telefonemas de Cabo Verde, e sei que vem correspondencia a caminho…
    …acho que isso também quer dizer alguma coisa!!!

    Logo que possa, não vou a Cabo Verde, somente por sol e praia, vou mesmo pelas pessoas que por lá me deram importancia, me fizeram sentir bem e que se lembram de mim, apesar de só lá ter estado uma semana!!!

    Luis Silva
    Condeixa-a-Nova
    Coimbra

    catiasilva
    Participante

    Ola… Concordo plenamente, Cabo Verde= pessoas espectaculares, amigas de verdade!!! Por isso é que quem forma ligação com essas pessoas se sente tao bem lá e só pensa em voltar… EU QUERO VOLTAR…

    Cátia

    andy36
    Membro

    vocês são todos uns paneleiros e devem gostar de levar com as brocas dos pretos… é por isso que os chamam simpaticos…não gostam do funana nem do garopa porque la só ha topless e muitas gajas e isso aos gays faz um bocado de confusão…

    rita amorim
    Participante

    acho k simplesmente estão a ser super injustos e como kem esta incomodado retira-se so vejo uma solução,é ausentarm.talvez as mais de 100 mesnsagens deixadas aki no forum keiram dizer alguma coisa pois realmente andei à prokura do maximo d informação e ate mesmo sem ir tentava ajudar outras pessoas.s fosse outra nem aki vinha manifestar a minha opinião.s eu precisava d um cruzeiro no nilo o problema é meu, só pessoas mesmo desconpensadas psicológicamente é k escrevem uma coisa destas e mais uma vez repito…n podemos gostar todos das mesmas coisas e por isso é k existe razão de viver.s voces tds gostam melhor, pk afinal kem fica a perder são vosses.saber aceitar outras opinioes além d uma bela forma de estar na vida é sinal d inteligencia e sociabilidade o k n m parece da vossa parte.

    andy36
    Membro

    é isso mesmo rita. cambado de panões…FODA-SE TÊM A MANIA K A OPINIÃO DELES É K É VALIDA. São como os burros k só vêem para a frente . eles só vêem o k lhes interessa.

    peter c
    Membro

    Rita, penso que não é necessário ficares tão chateada.
    Realmente, na minha opinião, foram feitos aqui comentários relacionados com o tópico aberto por ti desnecessários e até mesmo desagradáveis. Mas tirando essas situações pontuais tens que reparar tal como referi no inicio do meu primeiro post que “Antes de manifestar a minha opinião em relação ao teu post deixa me dizer te que é apenas a minha opinião e tens todo o direito de concordar ou não com ela, da mesma forma que eu não concordo com GRANDE parte da tua.”
    Espero que continues a dar o teu contributo aqui no fórum e “apareças” muitas vezes por aqui.
    Bjnhos e fica bem

    pris
    Membro

    Rita não é preciso abandonares o fórum até porque a tua presença aqui é uma mais valia para este devido á tua disponibilidade em enviar mensagens e também tens uma opinião um pouco diferente de grande parte dos forenses o que é sempre bom no fórum haver opiniões diferentes para dar a novos forenses desconhecedores do que vão encontrar na ilha do Sal, já que estou a dirijir-me a ti queria-te perguntar se chegas-te a comprar o Uril como te indiquei.

    Espreto da minha parte quero-te dizer que não sou aquilo o que tu chamas-te a quem gosta de ir a Cabo Verde e penso que ninguém aqui do fórum o será, e não vou comentar as tuas palavras porcas só espero que o moderador deste fórum as retire.

    Ricardo Pit Bull

A visualizar 15 artigos - de 1 a 15 (de um total de 54)

Tem de iniciar sessão para responder a este tópico.