Cape Verde Islands

Saturday 24.08.2019

 
 
Ver mensagens sem resposta | Ver Tópicos ativos

Criar Novo Tópico Responder a este Tópico  [ 1 Mensagem ] 
Autor Mensagem
 Assunto da Mensagem: SANTO, SANTO, SANTO
MensagemEnviado: quinta dez 17, 2009 12:27 am 
Offline
Avatar do Utilizador

Registado: sexta abr 23, 2004 6:34 pm
Mensagens: 22
Localização: Brazil
Santo, santo, santo. Talvez assim se possa no futuro definir o presidente Lula. Hoje nenhuma crítica o incomoda, nenhum escândalo desalinha sua barba. Nada. Seus índices de aceitação continuam aumentando entre a população, graças principalmente a sua política do faz de conta e do dá, dá, dá.
Se ele fosse pego com uma metralhadora nas mãos assaltando um banco, alguém haveria de dizer ainda que a metralhadora fora pregada às suas mãos por um desafeto político da oposição e o dinheiro posto em seus bolsos por um afiliado do PT com o objetivo único de preservá-lo, caso Sua Excelência precisasse pegar um táxi para voltar ao palácio. Tão logo chegasse lá, ordenaria a seus assessores que encontrasse depressa o aposentado que deixara cair no chão aquela quantia, afinal, completaria ele, nunca na história deste país houve um presidente tão íntegro e inocente...
Ou seja: tudo de bom que acontece no Brasil de Lula, foi ele quem fez; tudo de ruim, ele não viu, sequer ficou sabendo. A intocabilidade o atingiu em cheio, e não adianta espernear, o povo é seu manto sagrado; o pobre, a sua bandeira. Principalmente ele, continuará a repetir, porque desceu do Sertão montado no lombo de um jegue manco até chegar a São Paulo, depois de meses de estrada, conhece todos os famintos do país, seus problemas e a solução destes, muito embora ainda não os tenha resolvido completamente: nenhum quilômetro de asfalto construído, meia dúzias de sem-terras assentados, umas poucas árvores pelo chão da Amazônia e alguns analfabetos nunca são demais... Mas aí, o antigo metalúrgico dirá de pronto, a culpa é das classes dominantes e dos intelectuais, como se os políticos, os governantes como ele, não fizessem parte dessa classe, apenas uns abnegados que dão a vida pelo povo. Mas que povo? Onde está esse povo? Ora, continua lá, continua cá, em todo lugar, arrastando sua sandália de dedo, justamente para continuar pobre e para continuar povo.
Pois sim, “nunca na história deste país” as crises foram tão constantes, a corrupção tão evidente, tantas gafes foram cometidas, tanta língua foi desrespeitada, tanta violência foi vista subindo e descendo os morros das cidades. Mesmo assim, nada importa, o presidente vai passando incólume, único, Narciso, montado agora numa nuvem de prosperidade e realizações, falando e se gabando sobre a Estabilização da Economia, o PAC, o Fome Zero, a Globalização. Decerto foi ele também quem criou a Globalização, a Abolição e a Transposição do rio São Francisco — mais tarde, rio Lulalá, proposto por um genial deputado da situação.
Mas não vamos aqui ser intolerantes ou críticos demais, porque não devemos ir de encontro à opinião do povo e ficar cobrando melhorias na educação, na saúde, no transporte público, no lazer, na justiça... isso deixemos para depois. Como diz o presidente, o povo agora tem a barriga cheia, o sorriso chapeado. O povo tem futebol e carnaval. Ah, já ia esquecendo o mais importante: tem Lula por mais 20 anos.



Achel Tinoco


Topo
 Perfil  
 
Mostrar mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar Novo Tópico Responder a este Tópico  [ 1 Mensagem ] 


Quem está ligado:

Utilizador a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante


Criar Tópicos: Proibído
Responder Tópicos: Proibído
Editar Mensagens: Proibído
Apagar Mensagens: Proibído
Enviar anexos: Proibído

Pesquisar por:
Ir para:  
cron